quarta-feira, 20 de julho de 2011

Onde vive a confiança? Uma reflexão para o Dia do Amigo.


Cada amigo é um presente especial.


Já falei em outra oportunidade sobre uma amiga muito querida e especial, a Nathália. Na época, havíamos comemorado seu aniversário e ela, que é uma pessoa muita reservada e discreta, resolveu fazer algo de diferente e, durante o almoço, fez-nos uma declaração de amor.

 

Agora ela fez de novo, só que a ocasião era o meu aniversário. Sabendo o quanto valorizo os presentes handmade, foi dela o primeiro que recebi e, asseguro-lhes, muito especial.



 

Ocorre que Nathália vinha se questionando sobre os benefícios de ter um hobby e, nos vendo (a mim e Gislene) tão envolvidas com trabalhos manuais e afins, um dia solta, descuidadamente, na mesa do almoço: “Eu quero voltar a desenhar...”.

 

Se ela tivesse dito que integraria a próxima missão espacial não teria causado tamanho rebuliço: como assim, desenhar???? Ninguém sabia desse lado artista!

 

Ela comentou que havia parado de desenhar há alguns anos, quando a vida complicou, mas agora estava sentindo vontade de retomar seu hobby, talvez se aprofundar. Para nós, ficou a curiosidade. O que Nathália desenharia?



 

Na véspera do meu aniversário ela me presenteou com uma caixa muito bonita, de conteúdo misterioso. Pediu que, primeiro, eu lesse uma carta. Nesta, me apresentou uma amiga que passaria a morar comigo: aí reside a confiança, concordam?

 

O desenho com que fui presenteada, uma japonesinha, foi feito em 1996, uma das primeiras incursões da minha amiga no mundo artístico. A minha irmã, ao ver o desenho, disse que a menina japonesa parecia comigo quando criança... Coincidências.



 

Você deve estar se perguntando: por que ela me deu algo tão emblemático e especial? Eu respondo de pronto: por que ela confiou que eu saberia apreciar e cuidar! A confiança vive na amizade, então.

 

A japonesinha passou a morar na minha Memorabilia, lugar das minhas lembranças mais caras e preciosas. Ela me lembra sempre de um dos poderes da amizade: despertar o que de melhor a gente tem guardado.



 

Para agradecer o presente à Nathália só pude falar sobre o quanto ficava honrada com a confiança depositada, lembrando que a honra é um valor caro à cultura oriental. Não foi mesmo um presente especial?


Feliz Dia do Amigo!


4 comentários:

Get Crafty!!! disse...

Que coisa mais linda!

Atelier Caseiro disse...

Especialissimo!
Amizade pra mim é das relações mais especiais na vida. Pq é uma escolha, ou se é amigo, ou não, não tem meio termo e qdo escolhemos ser, escolhemos pela desejo, por uma coicidencia, por empatia, ou não ... Tenho uma amiga de infancia e rimos a beça disso pq lá nos nossos 7 anos a antipatia inicial foi mutua. Vai saber pq!
Mas é assim, amizade é opção! É doação, é amor... e sem duvida alguma é a troca de confiança! E viva ao dia do amigo! Certamente a Memorabilia ficou ainda mais encantadora. Beijinhos!

♥ Nia disse...

Que presente mais querido!! Em todos os aspectos =)))
Parabéns para a artista que andava a esconder a sua veia para o desenho! Não a deixes esquecer esse dom que cria imagens tão fofas!!! :)
A tua Memorabilia está cada linda mais linda e preciosa!! :D

Eri disse...

O melhor presente de todos. Sua amiga deve ser muito especial, como você. Não é todo mundo que tem a singeleza de entregar algo tão precioso e muito menos, gente capaz de interpretar o gesto da maneira exata: completamente feliz. Eu teria caído em lágrimas desesperadamente. Parabéns.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...