domingo, 17 de março de 2013

Mais uma Family Tree e por que bons amigos são tesouros




Eu não sei sua opinião, mas um amigo, do sexo masculino, que, de presente de aniversário, pede algo manual e, mais, especifica exatamente o quê, na minha opinião, é um tesouro.

Se esse mesmo amigo ainda espera, pacientemente, por quase 5 meses, para receber este presente, o que você faz? Agradece a Deus a oportunidade de conviver com ele, evidentemente. De joelho. No milho. E borda, claro, a Family Tree de sua jovem família.



Na história dele, o marco foi a chegada – longamente esperada – de seu primeiro filho. Talvez por isso o bordado da árvore fosse desejado...




Na minha história, um filho que acabara de passar por uma cirurgia, horas com ele na cama, convalescendo, e a necessidade de acalmar o espírito com linhas e agulhas... O bordado é terapêutico, juro.

Cada ponto na árvore, cada pequeno progresso na recuperação do pequeno, cada hora passada na companhia dele, rezando para que aquele sofrimento passasse logo e ele voltasse a sorrir, brincar, ser ele mesmo.




A árvore foi terminada em dois dias, tempo que durou a fase mais crítica do pós-operatório. O pequeno recupera, rapidamente, sua alegria de viver e eu mantenho a minha, ancorada nessas pessoas especiais que dão mais graça à existência de todos nós.



Bom domingo!


3 comentários:

Valma disse...

this is really beautiful , a great idea and I'm sure your friend will love
I hope that now your son is 100% OK
give him a big big hugs from me
love for you
xxxx

♥ Nia disse...

Adooooooro =) Qualquer dia tenho mesmo de destinar algum tempo para fazer um bordado destes! Acho a peça mais especial que se possa imaginar! Fabuloso trabalho linda! :)
bjbjbj

Kim disse...

Isso é tão bonito. Você deu um presente maravilhoso. Para bordar faz muito relaxado. Eu sei que o seu amigo estava feliz! Desejando uma recuperação saudável para o seu filho
Tenham uma boa semana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...