domingo, 29 de setembro de 2013

Linhas Escritas # Mundos de Eufrásia




Já comentei inúmeras vezes neste espaço sobre o quanto gosto de biografias. Se são sobre histórias de amor, então, minha alma canceriana derrete-se...

Nem me lembro mais como tomei conhecimento sobre este romance, ou biografia romanceada do amor entre Joaquim Nabuco e Eufrásia Teixeira Leite.

Nunca ouvira falar na dama. Meu primeiro apartamento de casada, pequenino e cheio de sonhos, ficava na sombreada Rua Joaquim Nabuco, na sua parte mais bucólica. Mas quem fora o tal abolicionista Nabuco? Eu tinha um conhecimento superficial.

No romance de Claudia Lage, fiquei sabendo sobre o jovem Joaquim e o conturbado contexto histórico de sua formação. Conheci ainda esta incrível mulher, educada desde cedo pelo pai para a independência moral e financeira.

Rica, inteligente, culta, um ás da economia e das finanças, Eufrásia chocou a geração que tinha no bom casamento seu objetivo de vida.

Texto de divulgação:

“O romance revela a real e conturbada história do amor impossível entre o abolicionista Joaquim Nabuco e Eufrásia Teixeira Leite, uma mulher muito à frente de seu tempo. De forma atípica para os padrões da época, Eufrásia foi criada pelo pai para ser a herdeira e gestora de sua imensa fortuna. Com a morte dele, ela assume os negócios e surpreende a todos com um notável talento para administrar e multiplicar seu patrimônio e ainda garantir sua emancipação econômica em pleno Brasil Imperial. Mas a promessa feita no leito de morte do pai de que nunca iria se casar – sempre lembrada pela irmã, com quem teve uma relação de amor e ódio durante toda a vida -, tem um preço alto, condenando seu romance com o rebelde Joaquim Nabuco.”

Anotem aí minha avaliação: Imperdível!





Semaninha de Panos de Prato: sugestão de presente para mães de bebês




A partir de um tecido lindo da Círculo, com bombons, bolos e cupcakes, e outros tecidos fiz esta semaninha de panos de prato, encomenda de uma amiga para presentear uma mamãe que espera seu bebê para este mês.

Como a minha cliente gosta de bordados, além das barrinhas, optei por bordar os dias da semana, usando a fonte Verdana e o ponto atrás.




A versatilidade deste ponto é infinita! Achei o resultado bem moderno, mas ainda vou experimentar bordar os nomes maiores e na vertical e, talvez, substituir a barrinha de tecido por um acabamento mais simples em crochês, por exemplo. 


De todo jeito, este é um presente inusitado e muito útil, concordam? 


sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Pumpkins for Cathey




Hi sweetie! Wishing you the best on your blogversary and I wanna let you know we are together to show how we care about you and we have prayed for your health.

Believe, hope can move mountains!

Big hugs & smiles from Brazil!


domingo, 22 de setembro de 2013

MSL Exchange – Gifts from Canada




Quando eu não era blogueira, apenas passeava pelos sites mais legais, uma das coisas sobre as quais mais tinha curiosidade eram as trocas. Menos pelos mimos e mais pela energia trocada entre pessoas das mais diferentes partes do globo.

Mesmo depois de começar o Linhas, levei um tempo até participar da primeira troca. Não sei bem o porquê...

Depois que comecei, o sentimento de abrir o pacote vindo de algum amigo virtual foi o mesmo de abrir os pacotes de livros encomendados via Correios, quando eu ainda morava em minha cidade natal. Ansiedade, surpresa, sorriso no rosto.

Não participo de mais trocas por absoluta falta de tempo para produzir itens personalizados, o que é sempre desejável.

Nesta última troca, promovida pelo Margaret Sherry Lovers, enviei este mimo para a Judith, que mora na Alemanha, e recebi este lindo pacote da querida Amber, do Canadá.

Não gosto nem de lembrar que este pacote ficou retido dias sem fim na alfândega e nos Correios, e que fui a última pessoa da troca a receber sua parcela... Mas finalmente chegou e iluminou meu dia!


A Amber me enviou uma linda almofada bordada com os indefectíveis porcos espinhos da Sra. Sherry, além de um cartão fofo, super carinhoso, com outra marca registrada da designer inglesa: um gatinho! 


Outros mimos incríveis compunham o pacote. Sou ou não uma garota de sorte?

Obrigada, Amber, adorei cada detalhe! Ah, e obrigada Nia por liderar estes momentos felizes!


domingo, 15 de setembro de 2013

Um cantinho, uma varanda





Tenho uma pequena parede na varanda, na qual dormitavam uns jarrinhos que comprei há algum tempo, sem plantas.

Ocorre que os ventos na minha varanda são muito intensos – o litoral do Ceará é conhecido por seus fortes ventos e mares bravios – e quase planta nenhuma sobrevive... Flores? Nem pensar, delicadas demais...

Um dia, ocorreu-me que poderia ficar interessante colocar pequenos cactos e suculentas nos jarros. 

Vista frontal da varanda. A foto não mostra as dunas de areias branquinhas mais à frente...

O que acharam? Um pouco rústico demais? Adoraria ter flores coloridas, diferentes, mas não dá...  Alguma outra sugestão?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...